Amor Sereno | 03Jun2018 11:57:42

Publicado por: Diana Balis

36453639270_ed5fa38042_b.jpgCaem as pétalas de outono, 
Floreiam alegres os coloridos sons 
Ruídos de amor sem dono. 
Abasteçam sua vontade 
No solo sereno e suave. 
Terra que habita o ser, 
Camuflada na eterna saudade. 
Amor ardente, 
Calem os espinhos da flor.

 

Diana Balis,Rio de Janeiro, 3 de junho de 2018.
 
 

Partilhar:

Comentários
Não existem comentários

Para poder comentar necessita de iniciar sessào.

Regista-te e Publica

Email:
Anedotas
Um alentejano casou com uma Sueca e cinco anos depois quando estavam a comemorar o aniversário de casamento o alentejano resolve confessar uma coisa à sua mulher:
- Sabes, querida, eu nunca te tinha dito isto antes porque não sabia qual é que seria a tua reacção, mas acho que tenho mesmo que te confessar:
- É que eu sou daltónico...
- Pois é, amor, eu também tenho uma coisa para te confessar:
- Eu não sou Sueca, sou preta!
Procura
Galeria







©2018, BlogTok.com | Plataforma xSite. Tecnologia Nacional